InfertilidadeA infertilidade não é um problema raro e atinge cerca de que 15% dos casais.

O primeiro conceito que devemos ter é que a fertilidade do ser humano é relativamente baixa. Um casal apresenta uma chance de engravidar de cerca de 20% ao mês. Assim, é comum haver algum tempo entre o início das tentativas de engravidar e a gestação, o que levanta a primeira questão: quando um casal deve pensar em infertilidade?

Infertilidade é a incapacidade de engravidar após 12 meses de relações sexuais sem métodos contraceptivos. Cerca de 85% dos casais engravidam após um ano de tentativas e aproximadamente 1 a cada 6 casais terão dificuldade em ter filhos, necessitando de ajuda médica para identificar e tratar as possíveis causas da infertilidade conjugal. Um dos principais objetivos da definição da infertilidade é justamente determinar quando buscar ajuda. 

Este limite de tempo é importante pois, após 1 ano sem conseguir engravidar, o casal deve procurar assistência médica para uma avaliação adequada.

Existem situações nas quais este tempo deve ser menor.

  • Quando a mulher tem 35 anos ou mais deve procurar ajuda após 6 meses de tentativa.
  • Quando há presença de menstruações irregulares
  • Síndrome dos Ovários Policísticos
  • Endometriose
  • Infecção pélvica prévia
  • Gestação ectópica anterior
  • Laqueadura tubárea
  • Vasectomia

A medicina moderna e o avanço das técnicas de Reprodução Assistida tem permitido que a maioria dos casais tenha sucesso na busca pela maternidade e paternidade.

A infertilidade é uma afecção do sistema reprodutivo, podendo acometer o homem e a mulher. E esse é um motivo para que o casal enfrente o problema de forma unida, participando das consultas e das etapas do tratamento, o que certamente faz diferença no resultado.

Ela afeta cerca de 7 milhões de casais, ou seja, 15% dos casais são inférteis. E essa taxa vem aumentando nos últimos anos, devido ao aumento dos casos de endometriose, à tendência de as mulheres postergarem a maternidade e à queda da qualidade do sêmen nas últimas décadas.

Quais são as causas de infertilidade?

A etapas do processo reprodutivo precisam estar em perfeito funcionamento para ocorrer a gravidez. As principais fases são a ovulação, a captação do óvulo pela tuba, a fertilização deste pelo espermatozóide e, por fim, a implantação do embrião formado no útero. Portanto, as principais causas de infertilidade são:

Fatores Femininos1/3 dos casos de infertilidade são decorrentes de causas femininas

Problemas na ovulação (fator ovulatório)
Alterações tubárias (fator tubário)
Alterações no útero (fator uterino)
Endometriose

Fatores Masculinos1/3 de causas masculinas

Problemas na formação, no transporte ou na ejaculação dos espermatozóides.

Infertilidade sem causa aparente  - 1/3 de fatores combinados, incluindo casos em que a causa não é determinada.

Ressalta-se que 10% dos casais não apresentam uma causa clara para explicar a infertilidade, mesmo após investigação completa.

Por outro lado, cerca de 20% dos casais apresentará problemas tanto na mulher como no homem, o que explica a importância de sempre investigar ambos. 

Ipanema

Rua Farme de Amoedo, 75 - Sala 505

(21) 2247-2718 / 3061-6954
WhatsApp – (21) 99905-4557 

São Gonçalo

Rua Moreira César, 138

(21) 2605-5656
WhatsApp – (21) 99905-4557 

São João de Meriti

Rua Gessyr Gonçalves Fontes, 139 - sala 901

(21) 2756-9574 / 2655-5069
WhatsApp – (21) 99905-4557